PESQUISAR

Para uma ética partilhada

REF.:0010080000030

2 em stock
Entrega no dia útil seguinte!

10,00 IVA inc.

Quantidade

Ficha Técnica

Título: Para uma ética partilhada
Autor: Enzo Bianchi
Ano de edição ou reimpressão: 2009
Editora: Pedra Angular
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 210 x 8 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 112
Peso: 172g
ISBN: 9789899614529

Sinopse

Enzo Bianchi fundou em 1965 a Comunidade Monástica de Bose, precisamente no dia em que se encerrava o Concílio Vaticano II (8 de Dezembro). Estes anos afirmaram-no como uma das vozes espirituais mais surpreendentes do nosso tempo. Autor de importantes textos sobre a espiritualidade das tradições cristãs, mantém um diálogo permanente e exigente com o mundo contemporâneo.

Bianchi cita muitas vezes a carta a Diogneto, um escrito do século II, que define assim os cristãos: «vivem na sua pátria, mas como forasteiros; participam de tudo como cidadãos, mas separam-se de tudo como estrangeiros. Moram na terra, mas têm a sua cidadania no céu». Para aprofundar o sentido desta cidadania prefere o termo grego políteuma — que a Bíblia de King James traduz como conversação. Mergulhado radicalmente no mundo, o cristão é chamado a entender a vida como conversa com Deus.

Sobre o autor

Nasceu em Castel Boglione, em Itália, a 3 de Março de 1943.

É o fundador e prior da Comunidade Monástica de Bose. Formou-se em Economia na Universidade de Turim e é autor de vários livros sobre espiritualidade e tradição de diálogo da Igreja com o mundo cristão contemporâneo.

Em Itália, escreve para La Stampa e, em França, para La Croix, sendo os seus livros editados pela conceituada Einaudi. Fé, esperança, ética e perdão são alguns dos seus temas fundamentais.

O Papa Francisco nomeou-o consultor pontifício do Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos.

Também pode gostar…

Back to Top