PESQUISAR

Esgotado

O diabo existe

REF.:0010110000358

Out of stock
Entrega no dia útil seguinte!

15,49 IVA inc.

Ficha Técnica

Título: O diabo existe
Autor: Papa Francisco
Ano de edição ou reimpressão: 2019
Editora: Farol
Idioma: Português
Dimensões: 152 x 231 x 17 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 192
Peso: 320g
ISBN: 9789898873811

Sinopse

Este livro contém todos os textos em que o Papa Francisco se pronunciou sobre a figura do diabo e a sua influência no mundo, desde 1999 (quando ainda era bispo de Buenos Aires) até hoje. É, pois, uma poderosa antologia em que o atual Papa não só reflete sobre a existência dessa entidade, mas, principalmente, analisa a ação e consequências na vivência social, política e até pessoal.

A perpetuação das dissimetrias económicas e o acentuar da conflituosidade social são alguns dos aspetos que levaram o Papa a afirmar sem qualquer dúvida: O diabo existe!

As consequências da ação satânica estão diante dos olhos de todos — basta observar a espiral de ódio e de violência que parece envolver cada vez mais o mundo contemporâneo.

Aqui se mostra como a questão da existência de Satanás no mundo é transversal à história da Igreja, ao pensamento de diferentes sacerdotes e a várias demonstrações conciliares. O resultado é um manual que oferece uma visão concreta do papel do diabo na vida terrena e do modo como o crente deve procurar a sua salvação, nas palavras sempre atentas do Papa Francisco.

«Todos somos tentados porque a lei da nossa vida espiritual, da nossa vida cristã, é uma luta.»

Sobre o autor

Francisco (em latim: Franciscus), nascido Jorge Mario Bergoglio SJ (Buenos Aires, 17 de Dezembro de 1936) é o 266.º Papa da Igreja Católica e actual chefe de estado do Vaticano, sucedendo o Papa Bento XVI, que abdicou ao papado em 28 de fevereiro de 2013.

É o primeiro Papa nascido no continente americano, o primeiro pontífice não europeu em mais de 1200 anos e também o primeiro Papa jesuíta da história. Tornou-se Arcebispo de Buenos Aires em 28 de Fevereiro de 1998 e cardeal-presbítero em 21 de Fevereiro de 2001.

Foi eleito Papa em 13 de Março de 2013.

Back to Top