PESQUISAR

Novidade

Um primeiro olhar sobre Adrienne von Speyr

REF.:0010060000961

1 em stock
Entrega no dia útil seguinte!

17,50 IVA inc.

Ficha Técnica

Título: Um primeiro olhar sobre Adrienne von Speyr
Autor: Hans Urs von Balthasar
Ano de edição ou reimpressão: 2021
Editora: Lucerna
Idioma: Português
Dimensões: 145 x 230 x 15mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 216
Peso: 350g
ISBN: 9789898993397

Sinopse

«[…] Quando, em 1940, lhe dei formação para convertidos, pareceu-me que, embora não soubesse claramente do que eu estava a falar, ela reconheceu de imediato e diretamente que as matérias abordadas constituíam o que para ela era verdadeiro e válido. Afinal de contas, tinha-o procurado com todas as suas forças, andara no escuro às apalpadelas, tinha rezado continuamente durante 38 anos. Os contornos da verdade católica estavam gravados nela como um negativo dessa verdade, tendo bastado uma breve indicação para que compreendesse e aderisse a ela com todo o coração e uma felicidade esfuziante.

[…] Este livro é composto por três partes principais. Na primeira parte o propósito é apresentar: 1. Um breve resumo da vida de Adrienne; 2. Uma descrição do seu carisma e dos seus principais temas teológicos; 3. Uma panorâmica do conjunto das suas obras publicadas e inéditas existentes.

A segunda parte é constituída por algumas declarações que Adrienne fez sobre si própria e que nos elucidam quanto à sua vida exterior e à sua vida interior – esta última oculta –, lançando luz sobre elas e dando-lhes vida, bem como mostrando também claramente quais foram os seus pontos fulcrais e o modo como ela desejava ser compreendida.

Uma terceira parte reúne as orações por ela anotadas ou ditadas que melhor revelam o seu espírito.»

Hans Urs von Balthasar, no «Preâmbulo»

Sobre o autor

Nasceu em 1905, na cidade suíça de Lucerna. Em 1928, recebeu o doutoramento em Língua e Literatura Alemã. No ano seguinte, entrou no noviciado da Companhia de Jesus, sendo ordenado sacerdote, em 1936.

Em 1950, antes de proferir os votos definitivos, saiu dos Jesuítas, passando a pertencer à diocese helvética de Chur, a partir de 1956. Neste ano, recebeu o grande Prémio de Literatura atribuído pela Fundação para a Cultura da Suíça Central.

Tornou-se membro da Comissão Teológica Internacional desde a sua criação, em 1969, e, em 1972, fundou a Communio – Revista Internacional Católica de Teologia e Cultura. Os mais de cem títulos e centenas de artigos que publicou abrangem a filosofia, teologia, literatura, arte e espiritualidade.

Os seus livros mais importantes, reunidos em 16 volumes, centram-se na revelação de Deus, segundo as categorias do Bem, Belo e Verdade: «Glória», «Teodramática, «Teológica» e «Epílogo».

Como reconhecimento pelo seu labor na investigação teológica foi agraciado com o título de Doutor Honoris Causa, pelas universidades de Edimburgo (Escócia), Münster (Alemanha), Friburgo (Suíça) e Washington (EUA). Foi nomeado cardeal, em maio de 1988, pelo papa João Paulo II, tendo falecido, em Basileia, menos de um mês depois, em 26 de junho.

Também pode gostar…

Back to Top